NEM O RIO LAGEADO ESCAPA DE AFOGAR-SE NO MATO, FRUTO DA AUSÊNCIA DO PODER PÚBLICO

0
42

Os cidadãos palmenses estão cada vez mais desassistidos pela prefeitura. A qualidade de uma gestão é representada pela sua completa capacidade de movimentar uma cidade. Os setores são vários, mas para ser um gestor eficiente, é preciso que todos os setores funcionem como uma grande máquina orgânica, sem defasar nenhum deles. O caos da saúde, zero política de segurança pública, funcionalismo insatisfeito, habitação sem ações relevantes podem ser reflexo de má gestão. Mas não há maior sinal que de que uma gestão não funciona corretamente do que quando a casa administrada apresenta sinais de negligência, tais como o mato que cresce desvairadamente em Palmas. Em outra matéria se criticou o mato no cemitério Jardim da Paz. Em seguida a prefeitura foi lá e roçou o mato. A gestão seria eficiente se a limpeza fosse programada de tempos em tempos e em toda a cidade. Do contrário, resta comprovada a má gestão.

Fonte: Rodrigo Kohl RibeiroMTB: 18.933

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here