Implantação do IML volta à pauta do Legislativo em Palmas

0
59

Aconteceu nesta última segunda-feira (05), na Câmara Municipal de Palmas, a
1ª Sessão Ordinária do ano de 2018. Esta também foi a primeira Sessão sob o
comando da nova Mesa Diretora, composta pelo Presidente Ezequiel da Silva
(Zico do Mercadão), Vice-presidente Paulo Bannake, 1º Secretário Fernando
Souza da Silva e 2º Secretário Nilson Butner.
Primeiramente, após a leitura da pauta pelo 1º Secretário, os Projetos foram
baixados para as comissões para as devidas apreciações e que assim as
mesmas emitam seus pareceres. Em seguida, foram discutidos e aprovados
dois requerimentos e apresentadas outras treze indicações.
Entre os requerimentos, o primeiro apresentado foi do vereador José Adilson
de Almeida, o qual requeria informações referentes ao bairro cascatinha, das
ruas que ainda não foram contempladas com as instalações da rede de esgoto.
Posteriormente, o vereador Ademar Santos Nunes solicitou que o Executivo
informe a respeito do término da pavimentação asfáltica na Rua Firmino de
Oliveira Alves, situada no Bairro Hípica. Ambos os requerimentos foram
bastante discutidos.
Outro assunto que teve bastante repercussão durante a 1ª Sessão foi
novamente a respeito da implantação de um Instituto Médico Legal (IML) no
município de Palmas, um problema de longa data e que foi lembrado esta
semana devido a mais um acidente com vítima fatal, onde esta permaneceu
por inúmeras horas na via pública até que chegasse o veículo do IML da cidade
de Pato Branco para a remoção do corpo.
Fez uso da Tribuna Livre para fazer uma reclamação a respeito do assunto
Jaime Claiton de Oliveira, amigo dos familiares da vítima, o qual pediu uma
ação por parte dos vereadores para resolver este problema. Após seu
depoimento, recebeu o apoio dos edis, os quais se prontificaram a enviar um
pedido com urgência para a implantação do IML.
Dessa forma, para intermediar essa relação entre a comunidade e o Poder
Público será composta uma comissão entre os vereadores Marcos Antonio da
Silva Gomes, Fernando Souza da Silva, Nilson Butner, Jucelia de Oliveira Paim
e Paulo Bannake com o objetivo de solucionar o problema o mais rápido
possível.
Por fim, através de uma iniciativa do vereador Izaías Mikilita, foi concedida uma
Moção de Aplausos ao Corpo de Bombeiros de Palmas, como forma de
reconhecimento pela implantação do Projeto Moldando o Futuro, desenvolvido
em parceria com a Secretaria de Educação e que tem o intuito de levar os
estudantes a conhecer a sede da corporação e o trabalho desenvolvido pelos
Bombeiros.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here