FESTA DA REFORMA AGRÁRIA!

0
12

Com frequência nos reportamos a esse tema: “Reforma Agrária”. E, a cada vez que fazemos isso percebemos o quanto importante foi esse movimento de ocupação pacífica de terras, ordenado pela combinação de esforços do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, pela supervisão, fiscalização, organização e distribuição pelo INCRA, indenização pelo Governo Federal, acolhimento pelo povo de Passos Maia e pela vontade ferrenha das famílias assentadas em ter um pedaço de chão onde pudessem morar, praticar sua agricultura de subsistência ou familiar.

Sempre que consideramos um assunto interessante e importante para nossa região e mais a miúde, para algum de nossos municípios da Área de Ação da Sicoob Valcredi Sul, gostamos de nos pronunciar sobre o mesmo.

Hoje, vamos nos referir ao almoço promovido pela comunidade de Assentamento Zumbi dos Palmares, tido como a mais histórica e importante de todas as comunidades formada por agricultores de origem da reforma agrária, em comemoração aos 24 anos da grande ocupação de terras ocorrida em 20 de novembro de 1995, na Fazenda Ameixeira ; nesse dia lembramos, também, o negro Zumbi dos Palmares, que foi um dos principais representantes da resistência negra à escravidão na época do Brasil Colonial. Zumbi foi líder do Quilombo dos Palmares, comunidade livre formada por escravos fugitivos das fazendas; compara-se os seguidores de Zumbi aos seguidores da reforma agrária brasileira.

O cardápio desse almoço foi, genialmente, composto pela comida que era servida nos acampamentos nos primeiros dias de ocupação das terras na Fazenda Ameixeira: quirela, risoto com galinha caipira, feijoada e saladas: simplesmente saboroso, simples e nutritivo.

Essa data sempre será tão histórica para Passos Maia, como a da vinda dos nossos primeiros colonizadores, a da constituição das primeiras comunidades, das primeiras capelas e escolas, das primeiras agremiações esportivas e das primeiras “bodegas”, únicas fontes de lazer da época. Podemos comparar o 20 de novembro ao 12 de dezembro: na segunda temos a emancipação de Passos Maia, e, na primeira, o maior incremento agrícola e populacional do Município. Juntas essas datas deram a grande arranca para o significativo desenvolvimento que Passos Maia teve no decorrer desses anos todos.

Outro fato importante desse fim de semana foi a Festa de Confraternização da terceira turma de formandos do CNEC – Campanha Nacional de Escolas da Comunidade de Ponte Serrada. Alguns se formaram em Contabilidade e outros em Magistério. À época, 1979, quando essa turma se formou, fomos homenageados, por termos criado essa escola de ensino médio, a primeira do gênero da região entre Joaçaba e Xanxerê. A escola tinha como Diretora a Sra. Gení Mantovani, e a Turma teve como paraninfo o Sr. José Vivan e como Patrono o Sr. Antoninho Rossi, e, como Oradora Oficial a Sra. Neiva Dalla Vecchia: todos Alunos de quarenta anos de formatura, Homenageado, Paraninfo, Patrono, Diretora, e oradora, repetimos os passos que fizemos por ocasião da formatura oficial em 1979.

Rendendo graças e nossos agradecimentos a Deus, participamos de Missa especial, ministrada com brilhantismo pelo Revmo. Pe. Paulo, Pároco da Paróquia de Ponte Serrada, abrilhantada pelo coral de Passos Maia. Ao final dessa comemoração, a convite do Revmo. Vigário, que nos deu a grata satisfação de falar, pela primeira vez, numa igreja superlotada, de improviso, homenageamos os formandos pelos quarenta anos de formatura, bem como a todos os envolvidos na comemoração.

Como não podia ser diferente, a festa seguiu com jantar dançante de ótima qualidade com música do Dijei Roseli de Oliveira, o Negão.

Sicoob Valcredi Sul, 100% da comunidade;

Sicoob Valcredi Sul, 100% do bem.

Passos Maia, 22 de novembro de 2019.

Fonte: Antonio Abilio Mantovani

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here