Coronavírus epidemia mundial?

0
13

Os coronavírus (CoV) fazem parte de uma grande rede viral, ou seja, são uma família de vírus que surgiram em meados de 1960 e, conforme os anos se passam, tais vírus não somente evoluem como é suscetível a surgirem novos. Geralmente estas infecções causam doenças respiratórias leves ou moderadas que podem ser semelhantes a um resfriado ou no caso de alguns outros que serão citados logo a seguir podem causar doenças respiratórias graves e até mesmo tuberculose.

No ano de 2002 se originou na China um vírus responsável por uma síndrome respiratória grave conhecida como S.A.R.S que chegou a se proliferar por 12 países infectando cerca de 8 mil pessoas, sendo que, aproximadamente 800 morreram.

O outro vírus completamente distinto da citada acima se chama MERS e foi descoberta em 2012 na qual teve origem na Arábia Saudita e, posteriormente, em outros países do Oriente Médio, Europa e África, por este motivo ficou conhecida como síndrome respiratória do Oriente Médio.

Estas informações são importantes por que no mês de dezembro de 2019 surgiu um novo coronavírus em Wuhan na China devido a um mercado que comercializava animais aquáticos mortos e animais selvagens ainda vivos no mesmo local. No presente momento ainda não foi confirmado por qual animal o vírus teria se proliferado, mas a situação se espalhou rapidamente e atualmente a cidade de 11 milhões de pessoas esta em quarentena e outras 15 estão no mesmo estado.

As autoridades de saúde da China afirmaram que mais de 4 mil pessoas foram infectadas e dentre eles cerca de 106 morreram. A síndrome foi batizada temporariamente com o código 2019 NCOV sendo um dos assuntos mais discutidos e preocupantes do momento, pois, devido a China ser um país que recebe muitos visitantes estrangeiros esta nova epidemia esta se espalhando para outros países.

Alguns destes territórios internacionais colocaram nos aeroportos um aparelho para medir a temperatura das pessoas como uma medida de segurança, todavia os sintomas do vírus podem demorar até duas semanas para se manisfestarem completamente. Os sintomas futuros e outros resultados relacionados ao vírus não podem ser confirmados ainda, pois os especialistas não podem afirmar ao certo como ele continuará a se comportar após o contato com o corpo humano e se irá evoluir.

A probabilidade deste coronavírus chegar até Palmas é baixa, principalmente por não ter relatos verídico do coronavírus ter chegado ao Brasil, mas do mesmo modo pedimos que fiquem atentos a sintomas como febre alta, tosse, falta de ar e dificuldade para respirar, caso isso acontecesse.

procure um médico urgentemente. Esse Vírus é transmitido pelo ar e por contato, deste modo pedimos que usem mascaras e luvas.

É importante ressaltar que vivemos em sociedade e devemos em todo momento pensar não somente da nossa saúde, mas na saúde do próximo também, por esta razão por precaução pedimos a comunidade palmense que em casos de doenças que podem ser facilmente transmitidas pelo ar ou pelo contato humano fiquem em suas casas para cuidarem de suas saúdes e, se ao acaso não for possível, use pelo menos equipamentos de prevenção (máscaras e luvas).

Escrito por Thais Lourenço

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here