Palmas 1 no bairro Lagoão abandonado pelo Poder Público?

0
176

A imprensa escrita foi chamada pelos moradores do bairro lagoão para relatar os fatos no qual segundo eles vem passando um total descaso por parte do poder público de Palmas, dizem eles que se sentem abandonados tendo em vista várias reivindicações benéficas para comunidade, uma delas seria a limpeza da pracinha no qual o mato tomou conta do campinho e dos equipamentos esportivos, sendo que o campinho de areia no qual era uma das melhores atrações de final de tarde, pois a chuva levou toda areia embora!
“Precisamos de alguns reparos tanto no campo que falta (areia, tela e recuperação de equipamentos danificados) quanto em outras áreas afetadas a exemplo do asfalto sem o meio fio no qual dezenas de casas vem sofrendo com chuvas, enfim ocasionando um total desconforto para toda comunidade”.
Presidente daquela comunidade Sr. Albino também relatou a imprensa escrita que todos os moradores pedem melhorias para o bairro no qual tem fundamento todas as reivindicações e que por parte dele dá o total apoio, e pede humildemente para os órgãos competentes tomar conhecimento e posteriormente fazer os reparos necessários. Destacou também como um fator negativo para a comunidade é a falta de iluminação pública em alguns postes.
Outros moradores relataram que vem sofrendo total descaso por parte do poder público e que as consequências ocasionadas pela natureza com as fortes chuvas e com a falta de conscientização por parte de alguns delinquentes não justifica a situação precária do bairro e que dependem dos órgãos responsáveis para execução desses pedidos.
“Estamos ciente da falta de conscientização por parte de alguns delinquentes, mas nem por isso temos que ficar à mercê do poder executivo, pois pagamos nossos impostos e esperamos no mínimo que o dinheiro público seja aplicada de forma correta e aqui onde moramos necessitamos urgentemente de melhorias”
Nós da imprensa e toda sociedade ficaremos na torcida e que no final dessas reivindicações tudo seja resolvido de melhor forma possível.

Fonte: Jornal Destaque Regional
Por Jocemar Ferreira da Silva

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here