Lixos em terrenos baldios preocupa moradores palmenses

0
49

A cidade de Palmas esta enfrentando uma triste realidade com o acúmulo crescente de lixos jogados em locais públicos. Devemos nos questionar sobre qual é a qualidade de vida que desejamos para nossa geração e o futuro dela, pois os lixos espalhados nas ruas não somente contribuem para o entupimento das redes de esgoto como também influência no surgimento de doenças e acidentes.

A questão ambiental deveria ser prioridade em nossas vidas, pois é neste ambiente em que vivemos e precisamos para sobreviver, por este motivo devemos nos conscientizar e fazer o melhor para a qualidade de nossas vidas ao cuidar de nossa cidade que é não somente nosso lar, mas também a nossa imagem, pois esta realidade afeta a todos nós por igual.

Por muito tempo ouvimos reclamações do atual estado que se encontra a gruta, não somente por conter uma quantidade alta de lixos jogados neste local, mas pelo cheiro fétido que sentimos aos redores da região em si, todavia estes acontecimentos são responsabilidade de todos os habitantes de Palmas, por isso devemos denunciar quando vermos tais situações acontecendo e fazer algo para diminuir este problema.
Temos de compreender que alguns itens podem contribuir para a presença de animais sujos como ratos e baratas que irão espalhar doenças, principalmente produtos orgânicos que quando estão se decompondo liberam um líquido escuro de odor nauseante conhecido como “Chorume”, ao serem jogados em regiões inapropriadas, penetra-se no solo e contaminam a água subterrânea, além de fazer mal para a saúde de animais e das pessoas que vivem nestas regiões.

O tempo de decomposição do lixo no meio ambiente também deve ser analisado, visto que varia de acordo com cada produto, no caso dos dejetos destacados nas fotos acima percebemos a presença de vidro que demoraria o equivalente a 1.000 (mil) anos para se decompor, sendo que o plástico demora aproximadamente 400 anos e estes são os lixos mais encontrados nas ruas.

O caminhão de lixo responsável pela coleta passam em frente as nossas casas todas as semanas facilitando o descarte dos produtos que consumimos diariamente.
Devemos nos conscientizar também e tomar as medidas cabíveis em relação a objetos como vidro, devemos embrulhá-los adequadamente e armazena-los dentro de uma caixa antes de colocar o lixo em uma sacola plástica.

É importante ressaltar que não importa se o objeto a ser descartado seja composto por madeira ou não, deve ser jogado em um local apropriado e não aos arredores das ruas, principalmente equipamentos eletrônicos tais como celulares e computadores por liberarem radiação devem ser levados até os centros de atendimentos eletrônicos.

Escrito por: Thais Lourenço

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here